Jornadas Vicariais em Cascais – Escutar, Conhecer, Seguir

O culminar do projeto “Faz-te ao largo” indica-nos o caminho a “seguir”. Escutámos a voz do Senhor pelo seu chamamento, ousámos conhecê-lo e deixarmo-nos conhecer por Ele e eis que é Ele mesmo quem nos desafia a Segui-lo!

Somos jovens e na maior parte das vezes que escutamos este verbo “seguir” aplicado a Jesus Cristo, ficamos pensativos, indecisos e até mesmo reticentes pois temos tendência a associá-lo exclusivamente ao sacerdócio ou à vida religiosa consagrada. Porém, o projeto “Faz-te ao largo”, procurou de uma forma exemplificada desmistificar e dissipar estas dúvidas e indecisões.
A terceira etapa da caminhada (depois do encontros nas paróquias da participação da JDJ) foi a Jornada Vicarial de Cascais, que decorreu no dia 2 de Junho, no Colégio Salesiano de Manique. Um dia em que o objectivo era facultar a todos os jovens participantes as diretrizes para a descoberta do projeto de santidade que Deus tem para com cada um de nós. Há projetos diversificados e personalizados porque cada um de nós é especial para Deus. Foram exemplificados quatro projetos de vida que buscam a santidade da forma que Deus lhes propôs. Não se pretendia explicar cada uma destas formas de seguir Cristo mas escutar na primeira pessoa a vivência destas experiências.
Quatro ateliers, quatro projetos de vida. O sacerdócio, a vida religiosa feminina consagrada, a vida laical e o matrimónio. Todos eles com funções e caminhos diversificados mas todos no mesmo sentido… Seguir Jesus. E em todos eles houve uma mensagem subliminar que deve permanecer na nossa consciência. Seguir Cristo não é um projeto solitário, é um projeto pessoal mas que só faz sentido na plenitude quando vivido em comunhão e em comunidade.
A jornada vicarial da juventude tinha este grande objetivo mas também o de unir os jovens da vigararia e dar a conhecer as realidades de cada paróquia, movimento ou comunidade.
Para além dos ateliers, o dia foi composto por jogos de convívio e de descontração, por um plenário cujo tema central era “ Faz-te ao largo” e para fechar da melhor maneira, pela Eucaristia. Houve momentos lúdicos, de reflexão, de oração, de aprendizagem e de interação que visaram proporcionar um ambiente de comunhão entre todas as paróquias, comunidades e movimentos da vigararia.
Assim como o semeador que lança as sementes em boa terra, o projeto” Faz-te ao largo” ousou lançá-las numa vigararia com boas perspectivas de frutificar. Resta a cada um de nós regar esta iniciativa com a alegria de seguir Jesus porque “tá na hora”!

texto por Dulce Barbosa


Comentários

comentários

Outras Notícias
© Copyright - Juventude-Patriarcado de Lisboa Desenvolvido por Pixelminds | Communicating Brands